Exemplo de Carteira de Ações Previdenciária

Que Luiz Barsi é um dos maiores investidores do Brasil todo mundo sabe, mas poucos conhecem os ativos que ele tem na sua carteira previdenciária. Na última carta à Suno (link aqui), o Barsi listou as ações de maior peso hoje na sua carteira. Vamos então analisar como está o desempenho destas ações na Bolsa de Valores. Lembrando que esta análise é de curto prazo (de 2014 para cá), mas a carteira previdenciária do Barsi, como o próprio no me diz, é de longuíssimo prazo.

Na carta de número 46 foi questionado ao Barsi: “Dá a impressão que a carteira do Barsi é bastante diversificada, você gosta de diversificar bastante a sua carteira? A carteira previdenciária do Barsi hoje, após todos esses períodos de crises e oportunidades, com muitas compras ao longo do tempo, está formada e diversificada de que forma?” Veja a resposta…

“Eu não tenho muita diversificação na carteira. Quanto você acha que um fundo tem em quantidade de papéis em carteira? São mais de 30-40 papéis. A minha carteira, em geral, tem uns 10 papéis, que tem representatividade. Obviamente que eu tenho alguns papéis de pequenas participações, mas os que têm representatividade são uns 10. A minha carteira de previdência hoje tem em sua maior representatividade Klabin, Suzano, Banco do Brasil, Santander, Ultrapar, Eternit, Unipar, Eletrobras, Taesa, Tietê e tenho também um pouco de Eletropaulo, Cemig, além de Itaúsa, que eu comprei há muito tempo, quando ela custava cerca de R$ 1,20 ou 1,30, depois que ela subiu eu não peguei mais, só fui fazendo as subscrições, que dão a possibilidade de comprar com um bom desconto.”

Carteira Previdenciária do Barsi (Ações de Maior Peso)

Itausa

ações de luiz barsi Itausa

CEMIG

ações de luiz barsi CEMIG

Eletropaulo

ações de luiz barsi Eletropaulo

Tietê

ações de luiz barsi Tietê

Taesa

ações de luiz barsi Taesa

Eletrobras

ações de luiz barsi Tietê

Unipar

ações de luiz barsi Unipar

Eternit

ações de luiz barsi Eternit

Ultrapar

ações de luiz barsi Ultrapar

Santander

ações de luiz barsi Santander

Banco do Brasil

ações de luiz barsi Banco do Brasil

Suzano

ações de luiz barsi Suzano

Klabin

ações de luiz barsi Klabin

Na carta, Barsi também fala sobre as inúmeras crises ao longo do tempo, com grandes desvalorizações do mercado, e cita especificamente seu comportamento na conturbada década de 90, em especial na época das privatizações, onde muitas empresas modificaram seus posicionamentos de longo prazo. Além disso, Barsi conta como agiu nas fortes desvalorizações ocorridas no ano de 2002, mostrando um exemplo de como o investidor disciplinado e focado no longo prazo e na estrutura de sua carteira previdenciária deve se comportar nestes períodos, aproveitando para adquirir mais ações, acumulando uma participação maior, e consequentemente, elevando também seus dividendos e sua renda passiva.

Acumular ações ao longo do tempo, comprando cada vez mais, em especial nos momentos de crises ou oportunidades, é, sem dúvidas, um comportamento essencial para o investidor que visa a bolsa de valores como instrumento de previdência.

Luiz Barsi Fora de Série

Logo que começou a sobrar dinheiro, ainda jovem, passou a investir na Bolsa de Valores com a intenção de construir a sua própria previdência, com ações de empresas sólidas e boas pagadoras de dividendos.
Deu muito certo! Tanto que, meio século depois, ele é um dos maiores investidores do Brasil e principais acionista pessoa física de “gigantes” como Banco do Brasil, Klabin, Ultrapar e Eternit. Uma lenda viva…

suno research recomendação

16 comentários em “Exemplo de Carteira de Ações Previdenciária

  1. Mairi Responder

    Kkk figura esse cara…. Primeiro, que “se diz” bilionario (serio que alguem acredita nisso?)
    Segundo, isolar uma carteira apresentando apenas alguns ativos é omitir a maior parte da carteira e esconder todo o investimento furado… Como ta a posição dele na FJTA hoje, por exemplo, ou saiu dela será hein? (Só um exemplo)… Sem falar nas empresas em recuperacao… Quem tem coragem de entrar nisso? O que falar da OI? rs…
    Pessoal acha que ele ganha dinheiro com compra de acoes, mas esquece que ele ganha dinheiro fazendo parte do conselho das empresas, sendo remunerado por elas. Aqui, sim, é a maior parte do que faz o bolso dele engordar…
    Ha informacoes que devem ser vistas com ressalva…
    Antes de pensar se eu conheco ele, pq eu nao poderia conhece-lo? Rs… Afinal, ele nao é uma pessoa “simples, como qualquer outra”? Rs
    Abracao

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Realmente faltou falar dos ativos podres, rs

  2. Mota Responder

    Uó, olhando o gráfico da Eletropaulo me pergunto o que teria acontecido com o All in do pobretão se ele tivesse segurado até hoje, qual seria seu patrimônio?, Rentabilidade?, Dividendos anuais esperados?.

    Será que rola um post pra responder?

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Opa Mota, agradeço sua participação no site, mas este tipo de investimento All In não é bom exemplo para ninguém, não posso fazer um post neste sentido pois não agregaria em nada para o leitor. Aliás o Pobretão nunca foi bom exemplo para as pessoas, tanto que seu blog acabou, aquilo ali era insustentável no longo prazo, tanto posicionamento de vida como posicionamento financeiro.

      Abraço!

  3. Janota Investidor Responder

    Olá UO!

    Excelente post!
    Li em algum lugar, não me lembro mais onde, que o portifólio ideal é aquele que permite que você durma bem durante a noite.
    Não teria uma carteira dessas, considerando a concentração setorial, mas o cara é um mito e fez as compras em um mercado completamente diferente do que conheço.
    Além do que ele consegue cadeiras nos conselhos dessas empresas e assim influencia no bom andamento das empresas.

    Grande abraço!

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Isto mesmo Janota! O bom investimento é aquele que te deixa dormir tranquilamente, também sigo esta linha. Se você está preocupado então algo está errado.
      Abraço!

  4. Misael Responder

    UO, obrigado por compartilha o seu conhecimento. ótimo post.
    Como o KB investimento falou que a Eternit é a única que está mal das pernas ( o Barsi é conselheiro).
    Se por acaso Barsi pensa em vende as ações irão desabar ainda mais do que está agora.

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Não sei se chega nos centavos, mas que está bem depreciada está.
      Abraço e obrigado!

  5. Escobar Responder

    O Barsi fez a coisa certa. Ele se desenvolveu como profissional (trabalha desde os 9 anos, editor de jornal, formado em estrutura e analise de balanços, economia e direito), foi ganhando mais, poupando mais e investindo mais, seguiu um plano e teve disciplina.

    Além disso teve um timing fenomenal, surfou todo o desenvolvimento do mercado acionário brasileiro. Por isso é o que é.

    Agora fala umas baboseiras, exemplo: “Renda fixa é perda fixa”.

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Realmente os aportes foram muito importantes, é uma conjunção de fatores: aportes + juros compostos + timing + paciência

  6. KB Investimentos Responder

    Dessas, acho que só a Eternit não tem dado um retorno satisfatório nesses últimos anos.
    Acho curioso ele ter 2 das 3 grandes empresas de papel e celulose da bolsa.
    Aliás, se for ver, a carteira dele é bem concentrada em energia elétrica, bancos e papel.
    Mas quem sou eu para julgar. Ele sabe o que faz.

    Abraço Uó.

    • raphafiis Responder

      Ele tem cadeira no conselho da maioria delas, por isso a concentração. Diferente dos pequenos investidores que se protegem diversificando.

      • Ábaco Líquido Autor do post

        Realmente Rapha, ele faz gestão ativa nos conselhos. É um ativista.

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Fiquei 1 ano posicionado na FIBR e na SUZB, vendi recentemente as duas com lucro de mais de 50% em ambas. Agora ainda mantenho a ETER, rs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.