Revolução na Blogosfera: Finansfera 2.0 – O Começo

Você já ouviu falar em SEO (do inglês, Search Engine Optimization)? Nada mais é do que um conjunto de técnicas a serem implementadas para que o seu blog ou site possa se posicionar melhor nos engines de busca como Google, Bing e Yahoo, gerando assim mais tráfego para seus posts. Estratégias de SEO bem implementadas aproximam cada vez mais o conteúdo do seu blog com as buscas feitas pelos usuários na internet. Basicamente, estamos falando aqui de como atrair público para seu blog ou site.

Este post é direcionado aos colegas blogueiros. Pedirei licença ao leitor interessado apenas em finanças para apresentar aos meus colegas da finansfera as técnicas que tenho implementado no meu site com expressivo sucesso. A ideia central é ajudar os colegas da blogosfera de finanças no quesito de como atrair mais público para leitura dos seus posts.

O presente artigo faz parte de uma série de mais de vinte posts que publicarei aqui no blog nos próximos meses. A frequência será de um post por mês sendo que está é o de número 2. Se você perdeu o post número 1, não deixe de ler neste link. Lá explico melhor o que está por trás desta revolução que está se iniciando na nossa comunidade.

trafego

Cunhei a expressão “A Revolução da Finansfera 2.0” como forma de chamar atenção dos colegas blogueiros para um movimento que ganha cada vez mais adeptos nas diversas blogosferas da rede. Esta chamada gerou as mais diversas manifestações: alguns torceram o nariz, outros aplaudiram mas preferiram ficar de fora, e os mais empolgados compraram a ideia. Esta “revolução” tem a ver com atração de público para nossos textos. E este público vai desde leitores dos nossos posts até telespectadores para vídeos publicados pelos blogueiros.

No post de início da série, dei o exemplo da blogosfera humorística que conta hoje com audiência de milhões de pessoas no país todo. Não que eu tenha a pretensão de me transformar em um “Porta dos Fundos dos Investimentos”, não é isto, o objetivo é simplesmente disseminar mais as ideias de educação financeira através de um alcance maior dos artigos gerados nessa comunidade.

Para mostrar aos colegas que a coisa realmente funciona, irei abrir aqui os números do meu novo site. A figura abaixo apresenta as estatísticas de acesso diário ao Abacus Liquid. A média de acessos atual é de 2.500 visualizações de página por dia sendo que o pico foi de 6.500 visualizações no dia 8 de novembro. Este site apresenta dois picos mensais de visualização com acessos superiores a 4.000 visualizações de página – falarei sobre isto em um post futuro – mas na média fica em torno de 2.500 em dias úteis e 1.500 nos feriados e fim de semana.

estatisticas wordpress

Como pode ser visto na figura acima, o site conta hoje com mais de 177.000 acessos. Pode até não parecer muito, meu blog antigo por exemplo tem hoje mais de 1 milhão de visualizações, mas para um site com apenas 4 meses de funcionamento é um número considerável. Este número elevado de acessos não aparece da noite para o dia, é resultado de um crescimento orgânico ao longo dos meses. Vejam na figura abaixo a evolução mês a mês do número de acessos ao site.

estatisticas wordpress

Coloquei as palavras “crescimento orgânico” propositalmente no parágrafo anterior. Esta expressão é utilizada em várias disciplinas como biologia e administração, mas na área de marketing digital podemos entender como um crescimento de presença do seu site proporcionado por ele mesmo, isto é, na medida em que o site vai crescendo em conteúdo os acessos ao mesmo vão paulatinamente aumentando.

Crescimento orgânico é algo natural, se você criar um blog no dia de hoje e colocar nele um post mensal, notará um aumento de acessos ao longo dos meses. Não há segredo nisto. Porém, o que iremos tratar neste post é de crescimento orgânico acelerado. Quais seriam as técnicas para atrair público e desta forma aumentar o tráfego para seu blog ou site? Apresentarei ao colega blogueiro 15 estratégias que já estou utilizando e mais 5 estratégias que pretendo estudar e implementar no futuro.

Como Atrair Público para seu Blog ou Site

Antes de entrarmos nas estratégias para atrair público e aumentar o tráfego para o seu blog propriamente ditas, iremos analisar um pouco mais a fundo as estatísticas de acesso ao meu site. Na figura abaixo apresento a estratificação dos acessos por fonte, isto é, de onde estão vindo os acessos ao Abacus Liquid.

estatisticas wordpress

Notem que a maior parte dos acessos são provenientes de sites de buscas como Google, Bing e Yahoo. São os chamados acessos orgânicos. Em seguida vem o blog antigo d’Uó. Devo confessar que utilizei o blog antigo como alavanca para este novo site. Mas ainda estou explorando pouco, o blog antigo conta hoje com uma média de 500 acessos diários mas consigo capturar apenas 10% disto. Estou aos poucos transferindo os melhores posts para cá e realizando o redirecionamento automático, mas é uma tarefa que demandará mais tempo.

Em seguida vem o Facebook que o GuiaInvest. O Facebook (mídia social) e o GuiaInvest (fórum de finanças) são bons exemplos de engajamento nas redes sociais. Falaremos mais sobre isto neste artigo. Depois temos o blog do colega Viver de Construção e o blog do colega Corei Investidor que são bons exemplos de engajamento na própria blogosfera de finanças.

Logo em seguida temos a contribuição de outros colegas de peso na finansfera e um pouco mais abaixo o Twitter e o Google+. Só recentemente passei a explorar estas duas mídias sociais mas acredito que com o tempo aumentarei o tráfego proveniente delas. Vejam que as fontes de tráfego são as mais variadas, conheço sites, por exemplo, cujo tráfego proveniente do Facebook supera o do Google. Há uma grande variedade de fontes de tráfego disponíveis, cabe ao blogueiro explorar cada uma com sabedoria e paciências pois com o tempo os resultados aparecem.

#1 Publique Conteúdo Original e Rico em Informações

Costumo gastar cerca de 4 a 8 horas em média para escrever um artigo como este, alguns artigos mais complexos podem levar mais de um dia. Você pode pensar que isto é perda de tempo, mas considero um tempo muito bem gasto pois:

  • Ao escrever um bom artigo estou transmitindo conhecimento paras as pessoas que é algo muito gratificante;
  • Para escrever um bom artigo sou obrigado a fazer pesquisas e estudos que me deixam melhor informado sobre vários assuntos;
  • Para escrever um bom post preencho meu tempo ocioso de uma forma útil;
  • Ao publicar bons textos com frequência, os mecanismos de busca paulatinamente aumentam meu grau de autoridade na rede;
  • Ao escrever frequentemente me torno uma pessoa melhor do ponto de vista da escrita.

Os algorítimos de indexação e ranqueamento dos engines de busca estão cada vez mais sensíveis  para reconhecer uma página pela qualidade e relevância do seu conteúdo. Portanto, escrever um texto de qualidade e rico em informação é fundamental para ser visto na rede. E se o artigo for inédito e conter informações nunca antes divulgadas, é bem provável que será muito visitado a partir de buscas orgânicas.

Conteúdo original e único conta muito nos critérios de ranqueamento dos engines de busca. Não vale Ctrl-C/Ctrl-V nas páginas dos outros, pois isso, hoje em dia é o verdadeiro suicídio em termos de SEO. Porém, referências a outros artigos são muitas vezes necessárias, portando, quando copiar parte de um texto de um outro autor, não se esqueça de fazer as devidas citações.

Estamos falando aqui de marketing de conteúdo que consiste na produção de material (texto, imagem, vídeo e áudio) que seja útil para o seu público e que gere atenção e tráfego para o seu blog. Para isto é fundamental conhecer e entender quais são os interesses e necessidades do seu leitor. Quando alguém acessa o seu site, o que ela está buscando? Qual é a maior necessidade desta pessoa?

Não basta apenas criar um blog ou site e produzir conteúdo que esteja ligado aos interesses do seu público. É preciso ir além e oferecer uma experiência realmente diferenciada. No caso do marketing de conteúdo, isso vem em forma de posts altamente originais, úteis e relevantes. Além disto, quanto mais detalhado for o texto melhor, é o que irá conferir riqueza de informação.

Um artigo “detalhado” significa significa que você pesquisou extensivamente seu tema, e, em seguida, cuidadosamente gerou um artigo de mais de 2.000 palavras. O site serpIQ nos dá uma imagem mais clara do tamanho do conteúdo de páginas que aparecem no topo de pesquisas no Google. Notem que os artigos de 2.000 palavras ou mais tendem a funcionar muito bem nos resultados de pesquisa.

estatisticas tamanho de post

#2 Escolha e Utilize Palavras Chaves com Critério

Quando você se propõe a redigir um artigo, geralmente irá falar de um tema específico. Há blogueiros que colocam em um único post uma variedade de assuntos, do ponto de vista de visibilidade não é uma boa ideia. Não estou dizendo que seja errado falar de temas diversos em um único artigo, há blogueiros que não dão a mínima para audiência e estão interessados apenas em expor suas ideias. Mas se você quer atrair público para seus artigos então é fundamental focar em um assunto principal apenas.

Uma vez determinado o assunto a ser abordado no post, a próxima etapa é selecionar as melhores palavras chaves relacionadas. São as chamadas “palavras mágicas“. Por que mágicas?  Simplesmente porque são as palavras que os usuários digitam na caixa de pesquisa dos engines de busca. Imagine então que você irá escrever sobre “investimentos para pessoas que nunca investiram na vida”. Exemplos de palavras chaves para este tema seriam: “investimentos para iniciantes”, “como começar a investir”, dentre outras.

Por que então é interessante determinar as palavras chave logo no início, antes mesmo de começar a redigir o post? Basicamente porque o corpo do seu texto deverá conter as palavras chave, tanto em parágrafos quanto em títulos. Até mesmo as figuras que ilustram o post devem conter as palavras chave, por exemplo, é interessante você dar nomes às figuras tais como: investimentos-para-iniciantes.jpg, como-começar-investir.jpg, etc.

Mantenha em mente que você deve alcançar um equilíbrio entre o assunto e as palavras chave contidas no mesmo. O Google, por exemplo, mudou seu algorítimo tempos atrás fazendo com que o tráfego para muitos blogs na internet caíssem cerca de 80%. Blogueiros que viviam exclusivamente da receita gerada por publicidade nos seus blogs  entraram em desespero pois viram seus rendimentos caírem 80% da noite para o dia. Uma das principais mudanças no novo algoritmo de busca  do Google foi detectar o uso indiscriminado de palavras chave nos textos. Os blogueiros utilizavam deste artifício para posicionar seus posts nas primeiras páginas do Google.

Estudo de palavras chave são então uma das técnicas mais primitivas de SEO nas podem ajudar o blogueiro a atrair o público certo para seus posts, além de melhorar seu ranqueamento engines de busca. Descubra quais são as palavras chave que os usuários usam com maior frequência e trabalhe essas palavras em seus artigos. Há ferramentas livres na internet que ajudam na escolhas destas palavras tendo em vista:

  • Tenham um grande volume de pesquisas (ou seja, que as pessoas busquem por essas palavras);
  • Tenham baixa concorrência (palavras menos concorridas tendem a qualificá-lo melhor nos buscadores);
  • Sejam embasadas pelo seu conteúdo (palavras-chave relevantes para o seu site).

Há ferramentas interessantes para estudo de palavas chave como os sites ubersuggest.io e keywordtool.io. Porém, o próprio Google por si só já é um importante balizador. Se você digitar, por exemplo, “investimentos para” na caixa de pesquisa do buscador serão apresentadas pesquisas correlatas de grande utilização pelos usuários. Veja na figura abaixo:

palavras chave no google

É interessante que a palavra-chave primária escolhida faça parte do primeiro parágrafo, além de ser citada algumas vezes ao longo do texto e, especialmente, no final do texto. Trabalhe também nas palavras-chave secundárias, por exemplo, se a palavra-chave primária é a alimentação para cães, há a necessidade de escrever palavras similares como alimentos para cachorros, alimentação de cães, alimentação de pets ou até palavras/frases maiores como “alimentação saudável para cachorros obesos”.

Todavia, evite palavras chaves em alta escala no texto. Mantenha uma densidade das palavras chaves no artigo entre 2 e 3%. Não use palavras-chave excessivas, irrelevantes, textos invisíveis  e links ocultos. Esta dica mantém post de seu blog seguro e ajudar a proteger o seu blog de penalidades do Google.

#3 Escreva Títulos de Impacto

Muitos não dão importância mas é sabido que grande parte do sucesso de um post publicado na internet vem do título. Ted Nicholas, o renomado redator, disse que “a preparação de um título poderoso é responsável por pelo menos 73%” do seu sucesso sobre como atrair clientes. Se você deseja capturar a atenção do seu público-alvo, então você deve prestar muita atenção aos seus títulos.

O título da página é aquele que aparece geralmente na barra superior do seu navegador. Uma dica interessante é que você inclua as palavras chave logo no início do título. Você tem aproximadamente 8 segundos para agarrar a atenção dos leitores antes de perdê-los para seus concorrentes. Escreva um título interessante e de impacto para atrair o tráfego certo e vencer sua concorrência.

Pesquisas indicam que de 5 pessoas que leram o título do seu artigo no buscador, apenas 1 lerá o resto do artigo. Como este indicador é uma média, ao escrever um título de impacto você está aumentando sua probabilidade de atrair mais público para seu artigo. Dicas preciosas:

  • Procure ser útil para o leitor (as pessoas estão sempre à procura de alguma solução para seus problemas);
  • Crie senso de urgência (tem leitores que deixam a leitura para depois e acabam não retornando);
  • Transmita a ideia de que o assunto é inédito (se realmente for, não adianta tentar enganar o leitor, ele nunca mais voltará).

Do ponto de vista de SEO, um título bem escrito é extremamente importante pois o propósito dos algoritmos dos buscadores é conseguir mostrar os resultados mais relevantes às suas buscas. Os título dos resultados de busca ajuda-nos a rapidamente encontrar o que procuramos. Além do conteúdo do título é preciso prestar atenção no seu tamanho. Minha dica é evitar títulos curtos mas evitar passar de 66 caracteres.

Exemplificando, veja abaixo o resultado da pesquisa “investimentos para iniciantes” realizada no Google. Os títulos das páginas são estes em a letra na cor azul. Faça o seguinte exercício: se você deseja conhecer mais sobre investimentos e está na sua hora de almoço, ou seja, o tempo é curto e você poderá abrir apenas uma página. Qual destes links você irá clicar?

titulos no google

Se você não fez a escolha pelo critério de ranqueamento do Google, isto é, não clicou no primeiro link, então, o link clicado é aquele que contém o “título matador“. Note também que muitas vezes só o título não será seu critério de escolha. O próprio nome do site é muito importante (falaremos mais sobre isto no final do artigo). E como terceiro critério de desempate estará a descrição da página (meta-descrição) que abordaremos logo a seguir.

#4 Não Ignore a Meta-Descrição

A maioria dos blogueiros não dá a devida atenção à meta-descrição o que é um erro grave. Nos resultados apresentados pelos buscadores, a meta-descrição é aquele texto curto que aparece logo abaixo do título. Você pode achar que ninguém lê aquele texto mas isto é um erro. Além do mais, os buscadores também procuram neste texto as palavras digitadas na consulta do usuário, apesar de ter pessoas que afirmam que este texto não influencia no posicionamento de busca.

Apesar de não interferir no posicionamento, uma descrição bem redigida e atrativa contribui para uma taxa de cliques mais alta, e este sim é um dos fatores utilizados pelo engines de busca para aumentar o posicionamento de um resultado. Além disso, alguns termos da descrição são enfatizados em negrito, quando fazem parte da pesquisa realizada, ajudando o usuário a encontrar rapidamente o que está buscando com mais facilidade.

O limite padrão utilizado em meta-descrição é por volta de 160 caracteres, respeitados os números de pixels da largura da área reservada para a descrição. Descrições com muitas letras maísculas e letras “gordas” como M, O, W, possuem um limite de caracteres inferior a descrições compostas por uma grande quantidade de letras i, por exemplo.

É preciso informar que nem sempre o buscador irá apresentar a meta-descrição da página. Prioritariamente, os buscadores procuram exibir o texto contido na meta descrição, porém, se o algoritmo entemder que outra informação é mais relevante ao usuário, é essa informação que será exibida. Por exemplo, se a palavra-chave buscada pelo usuário não se encontrar na meta-descrição, há uma boa possibilidade do engine exibir um trecho do conteúdo da página onde se encontra esse texto chave.

Algumas dicas básicas para definição da meta-descrição:

  • Elabore um texto sincero: Descreva honestamente o conteúdo, sem tentar enganar o usuário ou o buscador;
  • Teste: É interessante testar os textos frente aos resultados obtidos. Faça alterações e avalie a taxa de cliques;
  • Palavras chave: Faça uso de palavras chave pois elas normalmente são marcadas em negrito para os usuários.

#5 Preste Atenção nas URLs

Devo confessar que no meu blog antigo não me preocupava muito com os títulos e nem tinha ideia que deveria trabalhar as meta-descrições. Estava mais focado no conteúdo dos posts e não tinha ideia de que deveria prestar atenção em outros pontos. E um dos itens que eu nem tinha noção da sua relevância eram as URLs das páginas de posts.

Por coincidência ou sorte, algumas páginas acabaram ficando com uma URL bem amigável. Por exemplo, se você digitar “o mercado de seguros no brasil” verá uma página do meu blog no resultado da pesquisa como mostrado em destaque na figura abaixo:

url no google

Notem que o Google colocou em negrito na URL as palavras chave pesquisadas. Pode parecer um detalhe bobo mas isto conta pontos nos critérios de SEO e também como chamativo de visualização para o usuário. Notem também que não utilizei meta-descrição e o Google está exibindo então a primeira frase do post que não agrega em nada o resultado da pesquisa. Se tivesse usado uma meta-descrição otimizada o resultado seria bem mais sugestivo para o usuário.

A exemplo dos títulos, é muito importante colocar nas URLs as palavras-chave relacionadas. Porém, não abuse, tente deixar as URLs não muito longas. No novo site estou usando como padrão a separação das palavras por traço “-” e não estou utilizando caracteres em maiúsculo. Também estou criando as URLs manualmente, isto é, não estou permitindo que o WordPress defina a URL automaticamente a partir do título da página.

Antes de irmos ao próximo tópico, vamos então recapitular o que foi dito até o momento: produza um texto rico em informações, escreva um título impactante, elabore uma boa descrição para o artigo, defina uma URL amigável. Pronto, isto é o básico a ser considerado para atrair mais público para seu blog. Fazendo isto digamos que já andou metade do caminho. Vamos agora conhecer a otimização da otimização. Sigamos…

#6 Seja um Expert em Diagramação

Além de ser importantíssimo a criação de conteúdo útil e original, também tem mesma importância a apresentação do mesmo, ou seja, a apresentação ao leitor deve ser realmente atraente. Como as pessoas estão a apenas a alguns cliques de milhares de outras informações, você vai precisar criar uma experiência de qualidade.

#6.1 Estruture Parágrafos

Duas coisas me cansam quando estou lendo um texto na internet. A primeira são textos com parágrafos muito longos, quando estou lendo um post com parágrafos quilométricos quase perco a respiração, parece que estou me afogando em palavras. A segunda coisa são textos com muitos parágrafos curtos, com duas linhas apenas. Neste tipo de post tenho a sensação que estou lendo uma série de itens e não um texto encadeado.

Pense no seu leitor, procure não usar parágrafos com mais de cinco linhas. Use também um tamanho de fonte razoavelmente grande para evitar a fadiga da leitura, porém não muito grande. Deixe um bom espaço entre uma linha e outra. Procure quebrar o texto em parágrafos sempre que um novo assunto ou variação surgir.

#6.2 Crie Subtítulos

Na estruturação de um post os subtítulos são fundamentais. Primeiramente porque estruturam melhor o texto facilitando a leitura. Em segundo lugar porque os mecanismos de busca dão ênfase a títulos que contém palavras chave.

Utilize então subtítulos (H1, H2, H3…) para quebrar o conteúdo do seu artigo e facilitar a leitura. Use pelo menos dois subtítulos no texto com palavras relacionadas à palavra-chave. Um subtítulo em H2 pode ter a palavra chave com outras palavras, mas o importante é soar natural. Os subtítulos quebram o texto e facilitam a leitura. Nunca sacrifique a qualidade do texto para inserir subtítulos com palavras-chave.

#6.3 Destaque Palavras

Procure destacar palavras, principalmente palavras chave, com a utilização de fonte em negrito. Porém, não abuse. Se você destacar palavras em excesso no seu texto em vez de chamar atenção para as palavras estará sim chamando atenção para o método em si.

#6.4 Posicione Bem as Imagens

Colocar imagens em um post é tão importante que irei tratar em específico deste assunto no próximo tópico. Porém, em termos de diagramação e apresentação visual ao leitor, é muito importante posicionar corretamente as imagens ao longo do texto. As posições disponíveis são: à esquerda, ao centro e à direita. Para não cansar o leitor, procure alternar o posicionamento das imagens ao longo do texto, isto ajuda em criar inquietação durante a leitura o que deixará o leitor mais estimulado a terminar a leitura.

#6.5 Não Abuse dos Banners de Propaganda

Quando entro em um site que tem mais propaganda do que conteúdo logo fico com o pé atrás. Acho importantíssimo dar mais ênfase ao conteúdo do que aos anunciantes. Procure ser sensato no uso dos banners. Especialistas consideram que três regiões de anúncios no site já são mais que suficientes.

Caso prático: qual dos dois posts abaixo o leitor terá mais prazer em ler? Texto com diagramação adequada?

diagramacao de posts

Ou o mesmo texto sem diagramação adequada:

diagramacao de posts

#7 Trabalhe com Imagens

Poderia ter considero as imagens como parte do item Diagramação mas este assunto é tão importante que merece destaque neste post. As imagens também são geralmente desconsideradas pelos blogueiros o que caracteriza um grande erro. É inegável, vivemos hoje um mundo predominantemente visual. Sentimos atração e curiosidade quando vemos algo que nos causa impacto. É real, “uma imagem vale mais que mil palavras”.

Além de escolher imagens adequadas para ilustrar os posts, o blogueiro deverá nomear estas imagens adequadamente. Sempre nomeie os arquivos de imagens de acordo com a palavras chave principal do texto. Isto não somente fará com que seu site seja melhor otimizado para pesquisas baseadas em sua palavras chave, como também atrairá algum tráfego de pessoas que procuram pelas palavras chave através das “Imagens” do Google.

Outra prática importante que os blogueiros não dão atenção refere-se ao texto alternativo das imagens (atributo Alt). Este é um elemento de descrição das imagens que também deverá conter a sua palavras chave. Os buscadores também dão grande importância nesta variável.

Publique pelo menos uma imagem com a palavra-chave no nome do arquivo (salve o arquivo com palavra-chave.jpg, em vez de imagem01.jpg) . É valioso colocar a palavra-chave no atributo “Alt” da imagem. Todavia, se a página tiver cinco imagens, não coloque a mesma palavra em todas as imagens. Coloque palavras que descrevem a imagem e palavras-chave do mesmo campo semântico da palavra-chave principal do texto.

Outra dica interessante refere-se ao formato do arquivo da imagem. Procure utilizar formatos compactados como o jpg, por exemplo.  A qualidade de uma imagem pode mudar a velocidade de carregamento. Portanto, quanto maior o arquivo mais lento será o carregamento e isso pode fazer com que o usuário perca a paciência ou não retorne ao site.

Caso prático: se você digitar no Google Imagens o termo “investimentos para iniciantes” será apresentado o seguinte mosaico de imagens. Se inspecionar a primeira imagem apresentada verá que o nome dela é: quatro-dicas-de-investimentos-para-iniciantes…jpg. Ou seja, um nome que contém as palavras-chave “investimentos para iniciantes”.

google imagens

Os mecanismos de busca basicamente entendem linguagem HTML. Passando as informações com mais relevância, além de facilitar a leitura dos engines, também faz com que seu site tenha maior probabilidade de conseguir um bom ranqueamento.

Quando se fala em imagens na Web, temos que ter em mente que os mecanismos de busca  robôs não leem figuras, já que para isso é necessário uma alta complexidade de processamento e seria inviável mapear todas as imagens da internet (pelo menos por hora). Então, o atributo Alt das imagens e também o atributo Title são cruciais para o seu ranqueamento das páginas.

#8 Participe das Redes Sociais

Não subestime o poder das redes sociais acreditando que apenas conteúdo de qualidade e técnicas SEO serão suficientes para ajudar o seu site a ter mais visualizações. Twitter, Facebook, YouTube, Google+, LinkedIn, Instagram, dentre outras podem ser ferramentas auxiliares na construção de mais tráfego para seu blog ou site.

Aconselho fortemente criar uma conta para o Facebook, Twitter e Google + e assim se posicionar em distintos canais. Se você tem facilidade para produzir vídeos então um canal no Youtube será de grande valia. Dependendo do assunto do seu blog, moda por exemplo, uma conta no Instagram será muito bem vinda.

Além de postar links dos seus posts nestas mídias, você precisa incentivar seus visitantes a compartilharem os links. Se o seu conteúdo for realmente bom, isso não será problema.

Como um complemento para o seu blog, você pode criar o seu próprio grupo no Facebook, onde os membros podem fazer perguntas, obter o apoio de outros, e também ter acesso direto ao seu blog. Lembre-se de sempre direcionar os membros do grupo o seu conteúdo.

facebook abacus liquid

O LinkedIn é uma das redes sociais mais ignoradas em termos de mídia social. No entanto, é uma rede que não deve ser subestimada. Um estudo recente do Hubspot apontou que o tráfego LinkedIn converte em 2,74%, contra Facebook e Twitter, que convertem em 0,77% e 0,69%, respectivamente. Fazer parte de grupos no LinkedIn pode ser uma ótima forma de divulgar o seu site ou blog. Outra opção é publicar alguns artigos no LinkedIn Pulse e fazer mais conexões.

Assim como para o blog, é importante que você também crie conteúdo relevante nas redes sociais. Ocasionalmente, seus usuários poderão utilizar esses meios para reclamar de alguma coisa, portanto, é fundamental que você esteja preparado para gestionar também as queixas feitas através das mídias sociais.

A facilidade para compartilhar os seus textos deve ser pensada. Desta forma, os usuários que acharem seus textos interessantes poderão recomendá-los rapidamente. A maneira mais simples de fazer isso é adicionar ao seu blog ou site botões de compartilhamento das redes sociais.

#9 Receba e Forneça Links com Autoridade

Os links que seus posts recebem são importantíssimos pois são itens de alta relevância nos algorítimos dos buscadores. Podemos então considerar que uma página do seu blog ou site pode ser referenciada por dois tipos de links: os internos e os externos.

Os links internos são aqueles que estão dentro do seu próprio site e por isto são mais fáceis de criar, já que você possui total controle para onde você direciona seus links dentro do seu próprio site. Porém, tais links não tem muita relevância para os buscadores.

Os links externos são aqueles que estão fora do seu site e por isto são difíceis de conseguir e cada vez mais raros hoje em dia, já que é muito mais fácil curtir, compartilhar ou tweetar um artigo do que linkar para ele dentro do seu site. Contudo, tais links tem muita relevância para os buscadores, principalmente se o site que está linkando possui autoridade alta no ranking do buscador.

link building

Na estratégia de links internos procure nunca deixar uma página isolada sem referência de outras – suas páginas não são ilhas. Faça links delas e para elas. Uma ferramenta para blogueiros muito útil são os plugins para “posts relacionados” que criam automaticamente atalhos para outros posts no seu blog com o mesmo tema do post fonte.

Para a estratégia de links externos você pode até pedir outros blogueiro que linkem seu blog, esta é uma prática muito usada na internet, porém, produzindo artigos de qualidade você obterá links externos automaticamente. Na medida em que você se torna uma aurotidade na rede seus textos passam a ser referenciados em muitos outros blogs ou sites.

Os backlinks são considerados um fator de ranqueamento nas pesquisas do Google. Basicamente, o algoritmo do Google entende que se você recebe o link de um site com autoridade, então o seu site também é de qualidade, dando a ele um melhor posicionamento nas buscas e gerando mais tráfego. Além disso, o simples fato de ter o seu site linkado em outro site de qualidade e interesse de um público semelhante gera tráfego.

#10 Monitore seu Tráfego

A análise de tráfego consiste em monitorar as visitas que seus posts recebem. Para isto podem ser utilizadas ferramentas como o Google Analytics ou até mesmo o mecanismo de registro de acessos da sua plataforma de blog. Como esta atividade exige mais tempo e disposição do blogueiro, é então uma das estratégias menos utilizadas.

google analytics tempo real

Visão do Tráfego em Tempo Real ao Abacus Liquid

Qual então o objetivo da análise? Simplesmente avaliar se os resultados esperados estão sendo alcançados. Do que adianta implementar várias técnicas de SEO, criar um texto de altíssima qualidade, compartilhar nas redes sociais, e mesmo assim não obter os resultados esperados? Então, monitorar os acesso recebidos é fundamental.

google analytics comportamento

Mapa de Acesso às Principais Páginas do Abacus Liquid

#11 Revise e Republique seus Artigos

Se você é um blogueiro que não se preocupa com número de visualizações, então não há porque se preocupar com técnicas SEO. Postar um texto de qualidade já dado como missão cumprida. Porém, se você está em busca de muitas visualizações para seus artigos, precisará rever e até mesmo republicar seus textos.

Você deve ter em mente que um artigo escrito por você é um ativo. É algo que você criou, que trabalhou para produzir. E manter este produto “vivo” é muito importante. A melhor forma de fazer isto revisar os posts de tempos em tempos pois de uma forma geral os artigos ficam ultrapassados.

Você precisa revisar não só para atualizar as informações mas também para otimizar as palavras chaves, títulos, imagens, etc. Na primeira versão nenhum artigo fica no estado da arte, a não ser que você ficou 20 dias seguidos produzindo aquele texto. Então, revisões posteriores irão ajudar muito no posicionamento dos seus posts nos mecanismos de busca.

revisao de artigos

Além de revisar, é altamente aconselhável republicar seus posts. Esta é uma pratica raramente utilizada pelos blogueiros, até mesmo os profissionais. Você não precisa ficar republicando textos de 6 em 6 meses, ou de ano em ano, isto pode cansar o leitor. Porém, você pode revisitar um post de 4 anos atrás que esteja em consonância com o momento atual.

Para períodos menores, você pode utilizar as redes sociais para republicar posts antigos, basta postar links de artigos antigos no Facebook, Twitter, dentre outras mídias sociais. Mas é bom ter bom senso, recentemente vimos um grande site republicar posts a respeito de acidentes de aviões justamente no dia em que uma grande tragédia chocou o país.

Em termos de SEO vale lembrar que mesmo um conteúdo plenamente otimizado pode cair nas posições de busca. Isso porque o Google prioriza conteúdos novos e a concorrência é sempre feroz. Se há mais gente produzindo de modo mais recente, seu site perde posições. Ao acrescentar novas informações, excluir dados que não sejam mais relevantes e manter o conteúdo sempre fresco e útil, o resultado é que o tráfego aumenta e você conseguirá atrair mais público.

#12 Promova Engajamento

Se tem algo que me dá profundo desgosto na internet é nãos ser respondido, como se diz na gíria: “ficar no vácuo”. Mandar um email e não receber resposta é algo muito desagradável, desde os primórdios na internet, quando criei minha primeira conta de correio eletrônico, fico muito chateado quando isto ocorre.

E na blogosfera, esta mesma sensação de falta de feed-back me deixa incomodado. Por isto, sempre que alguém escreve algum comentário no meu blog, faço questão de responder. Não deixo nenhum comentário sem resposta. Se você deixou um comentário aqui que não foi respondido pode me avisar pois com certeza passou desapercebido.

Portando, conversar com o leitor é fundamental, até mesmo os haters. A pior ofensa a um hater é ser ignorado. Ignorar um hater é alimentar o seu ódio, rs. Sempre aconselho a responder os haters, nunca moderar comentários, e tratá-los educadamente.

comentarios no blog

Acho um grande erro moderar comentários. A internet é um ambiente livre. Se você se propôs a expor suas ideias publicamente deve então estar preparado a todos tipos de reações. Se você modera as reações é porque não está confortável com suas próprias posições. Mas cada um é cada um, não vou querer influir nisto.

Para gerar engajamento e por tabela gerar mais tráfego para seu blog, além de responder bem seus leitores é de fundamental importância participar de outros blogs. Vejo por aí blogueiros que se preocupam só com seus local e raramente dão as caras em outros blogs.

Não estou falando aqui de ficar comentando amenidades em outros blogs só para atrair atenção para si, estou falando de participar das discussões que outros blogueiros abrem nos seus sites. Blogueiro nenhum gosta de ficar falando para as paredes, e desta forma dar um sinal de vida em outros blogs é uma forma de dizer que aquele colega está sendo ouvido (lido).

#13 Defina uma Frequência Compatível com seu Dia-a-Dia

Se um visitante entra no seu blog hoje e depois de 2 semanas entra novamente e tudo da mesma forma, ele provavelmente não voltará mais. É importante manter seu blog ou site  atualizado e com conteúdo novo regularmente, isso garante a fidelização.

Não adianta produzir conteúdo de maneira esporádica, porque, dessa forma, a geração de tráfego também é ocasional. Além disso, uma produção de conteúdo irregular prejudica a sua autoridade perante os leitores de maneira geral e causa insatisfação. O resultado? Menos pessoas retornam ao seu site.

É recomendável seguir um calendário editorial de modo a conseguir oferecer conteúdo de maneira constante e com qualidade. Ter uma rotina de publicação é uma das melhores coisas que podem existir na vida de um blogueiro ou produtor de conteúdo online.

Isto ajuda acostumar o seu público, sua mente como também os próprios robôs dos buscadores, melhorando assim a velocidade de indexação do seus artigos. Abaixo um exemplo de rotina de publicação…

Diariamente

  • Faça postagens no Facebook , Twitter e Google+;
  • Responda os comentários dos leitores no seu blog e faça comentários em outros blogs;
  • Responda emails de leitores;
  • Interaja em fóruns.

Semanalmente

  • Escreva dois posts;
  • Faça um vídeo de conteúdo.

Mensalmente

  • Produza um infográfico;
  • Faça uma uma entrevista.

#15 Implemente uma Arquitetura de Sistemas Eficiente

Por trás de uma arquitetura de sistemas eficiente há diversos quesitos técnicos a serem considerados. Neste post irei apenas elencá-los pois a complexidade envolvida em cada item é tão elevada que tornaria este artigo muito longo. Os pontos de arquitetura que precisam ser observados são os seguintes:

  • Contratação de um serviço de hospedagem gratuito;
  • Implementação de um site responsivo;
  • Redução do tempo de carregamento das páginas do site;
  • Desenvolvimento de um sistema de navegação eficiente.

#14 Compre ou Registre Domínio

Ter um domínio registrado transmite confiança e comprometimento. Diz que você não está ali para brincadeiras. O usuário logo pensa: se você teve o trabalho de escolher e registrar um domínio, paga por ele anualmente, além de contratar um serviço de hospedagem é porque seu trabalho é sério.

Se você quer de verdade aumentar as visitas ao seu blog ou site, e assim atrair público para seus artigos ou mesmo produtos, registre ou compre um domínio próprio. O ideal é ter um domínio limpo, isto é, se você pretende criar um site para negociação de carros usados uma boa escolha seria carrosusados.com.br ao invés de negocia-carros-de-segunda-mao.net.

Quando mais curto o nome do domínio mais fácil de gravar na mente dos internautas. E quanto mais próximo ao seu tema principal melhor. Porém, domínios com correspondência exata com palavras-chave geralmente não são tão fáceis de encontrar, pois a probabilidade de já terem um dono é muito grande. Nesse caso, procure verificar se ele não está expirado ou se não está à venda.

registro de dominios

Tome cuidado com combinações equivocadas de palavras. Por exemplo, um site chamado Dicas Express ficaria com a seguinte url: dicasexpress.com. Em uma leitura rápida, o internauta pode entendê-lo como “Dica Sex Press”. Pior ainda, há empresas que utilizam filtros para evitar que seus funcionários acessem conteúdo adulto. Um domínio como este pode facilmente cair na lista de bloqueios devido ao termo “sex” que se forma no domínio.

Colocar o seu próprio nome no domínio não costuma ser uma boa ideia. A não ser que você já seja famoso. Por isso, é melhor que o site tenha um nome que defina o que ele é, em vez de associá-lo ao autor. Ao escolher um nome para o seu blog, seja criativo, procurando fugir das escolhas óbvias. Um nome diferente e que “pegue” pode ajudar a aumentar a popularidade. É o mesmo que ocorre com o nome de marcas e produtos. Há aqueles nomes que são tão bons que nunca saem de nossa cabeça.

Verifique a disponibilidade das extensões mais comuns. Por exemplo, se você deseja registrar o dominio.com.br é interessante verificar se o dominio.com está disponível. Se em um futuro próximos seu site .com.br ficar muito famoso irá considerar comprar também o .com e se ele já tiver dono terá que pagar uma fortuna. É interessante registrar pelo menos ambos (.com e .com.br)

#16 Faça E-mail Marketing

O disparo de e-mails é outro excelente caminho para aumentar o tráfego do seu blog. Envio de e-mail marketing é uma estratégia muito utilizada por blogueiros profissionais, principalmente aqueles que vendem produtos através dos seus blogs ou sites.

Primeiro, certifique-se de deixar no seu site um campo de inscrição para newsletter. Assim, as pessoas podem se cadastrar para receber suas novidades. Depois, você deve configurar seu site para disparos automáticos sempre que houver conteúdo inédito, além de preparar envios especiais e estratégicos. Porém, esta técnica de captura de emails é pouco eficiente.

email isca

A estratégia mais utilizada pelos blogueiros para captura de emails é disponibilizar no blog o download de um produto grátis que pode ser um e-book ou um infográfico. Sendo que para habilitar o download o usuário deve fornecer seu email. É o que chamam no mercado de marketing digital de “produto isca”.

Não irei detalhar esta prática nest post. Mesmo porque não estou utilizando esta estratégia no site. Confesso que sou reticente em ficar enviando e-mails para a caixa postal das pessoas, ainda mais e-mails não solicitados. Porém, sempre ouço os blogueiros mais experientes sempre falarem bem desta técnica. É um caso a se pensar.

#17 Publique Guest Post

Outra forma de usar parcerias a favor aumento de tráfego para seu site ou blog é realizando guest posts. Os guest posts são caracterizados quando você escreve para outro site de público semelhante ao seu e que tenha os mesmos interesses. Também falarei pouco sobre esta prática pois ainda não utilizo esta estratégia.

Esta também é uma das técnicas que pode trazer bons resultados, e o melhor de tudo é que essa técnica lhe rende uma audiência realmente interessada no que você pode oferecer isso porque você só vai querer fazer um Guest Post em blogs do mesmo nicho de mercado que o seu.

guest post

É aconselhável fazer um Guest Post realmente relevante e não apenas “pro-forma”. Você precisa dar o melhor de si, como se estivesse escrevendo para seu próprio blog, só assim os leitores do blog que está recebendo seu artigo irão se interessar em lhe fazer uma visita.

Ao fazer um conteúdo realmente útil e relevante, as pessoas tendem a visitar o site do autor, o que gera um ganho de tráfego. Para que isso dê certo, é muito importante considerar que ambos devem ganhar com isso, gerando tráfego, autoridade e benefícios para todas as partes envolvidas.

#18 Produza Vídeos e PodCasts

Já foi falado no item #8 – Redes Sociais que utilizar o YouTube é uma excelente foma de atrair público para seu site ou blog. Vivemos em um mundo cada vez mais visual e cada vez menos leitura, desta forma, expor suas ideias através de vídeo pode ser um diferencial. Estudos mostram que em 2018 mais de 90% dos usuários da internet passarão a assistir mais vídeos do que lerem um artigo de site ou blog. Por isto, se você quer se manter vivo nesta blogosfera é bom pensar no assunto.

youtube

Ao publicar um bom vídeo você passará mais credibilidade pois o internauta lhe verá face a face. Se você for uma pessoa sincera e com boa didática conseguirá vender seu peixe de uma forma muito tranquila. Este formato é muito indicado para posts do tipo tutorial e passo a passo. A única desvantagem que vejo é o internauta não poder acessar este tipo de conteúdo em determinados ambientes. Mas para contornar este problema você poderá postar também a versão escrita do vídeo.

#19 Não Faça Black Hat

As técnicas SEO chamadas “black hat”, que buscam manipular o algoritmo dos mecanismos de busca para atrair pessoas que não queriam chegar até ali, podem ser facilmente descobertas e gerar grandes problemas para o seu site ou blog em termos de ranqueamento como quedas de posição ou até mesmo bloqueio. Além do mais, não é uma atitude legal obter acessos a todo custo, isto demonstra falta de comprometimento com o leitor.

Por isso, confira se não existem práticas como links ou palavras-chave ocultas em suas páginas, pois, caso os mecanismos de busca as encontre, seu endereço pode perder posições nos resultados ou até mesmo ser apagado do índice. Se você fizer um bom trabalho e seguir pelo menos uns cinco itens deste cinte listados neste artigo, definitivamente não precisará lançar mão de técnicas escusas para conseguir tráfego.

black hat

Lembre-se de que o uso das técnicas de SEO deve ser uma iniciativa permanente para que o site comece a conquistar posições progressivamente e atrair mais acessos de forma orgânica. E se você conhece outras técnicas que podem ajudar a trazer mais visitantes para um blog ou site, enriqueça nossa discussão deixando sua visão em nossa área de comentários.

#20 Tenha Paciência

Sites novos, a princípio, não são considerados “confiáveis” pelos mecanismos de busca em seus primeiros momentos de vida. Para superar essa barreira inicial e despertar o carinho e atenção dos buscadores, você precisa conquistar links para suas páginas que sejam provenientes de sites confiáveis. Mesmo que seu site seja lançado com conteúdo e design impecáveis, dificilmente ele se tornará relevante para os mecanismos de busca caso não consiga um bom número de referências de autoridade.

Você precisa ter paciência, e se fizer um trabalho de qualidade, com o tempo conquistará muitas referências para seu site ou blog. O caminho muitas vezes é longo, mas empregando as estratégias elencadas neste artigo e outras que não são do meu conhecimento, você conseguirá agilizar esta caminhada. Porém não há atalhos, todo caminho deve ser percorrido, o que ocorrerá mesmo, se tiver sucesso, é um aumento da velocidade da da jornada.

Não se preocupe em ter 100% de acerto todas as vezes que criar uma nova página. Este artigo, por exemplo, sofrerá muitas revisões daqui para frente. Tanto revisões de erros de português que são muito comuns por aqui, rs, quando revisões para deixar o post mais claro e e didático ao leitor. Além disto, novas informações serão inseridas e outras será retiradas ou modificadas. Um artigo na internet é algo vivo e deve ser tratado desta forma. Isto é acima de tudo respeito ao leitor pois cada pessoa que cai nas suas páginas está dispendendo preciosos momentos de vida.

Espero que este post tenha sido útil para você blogueiro que já tem um blog e para futuros blogueiros que chegarão na nossa finansfera. Tive um esmero em especial para produzir este texto que poderá ser útil para muitos no sentido de atrair público para nossa finansfera. Até mesmo para os leitores que não são blogueiros entenderem os mecanismos que o fazem cair em determinado site. E não deixe de ler os outros artigos da série Dicas para Blogueiros clicando aqui.

Atualização: revisando o artigo agora vi que ficou faltando a dica #15. Amanhã complemento então o texto pois agora preciso tomar banho e jantar (blogueiro tem vida real, rs)

suno research recomendação

55 thoughts on “Revolução na Blogosfera: Finansfera 2.0 – O Começo

  1. buccolo Reply

    Falando em 2.0, que tal se a finansfera tivesse um Slack? Tem um plano grátis por tempo indeterminado.

    Imagine pode perguntar e interagir em tempo real com os blogueiros e a audiência!

    Abraço

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Opa Buccolo!

      Estou por fora desta tecnologia, do que se trata?

      • buccolo

        Então o Slack é uma ferramenta de chat para empresas. Eu trabalho remoto para uma empresa de tecnologia e usamos isso para comunicação interna.

        Bom, essa foi a proposta inicial deles.

        Porém, de uns tempos pra cá, grupos de interesse tem adotado o Slack como um local de encontro. Dentro dele você pode dividir em canais: “dividas”, “ações”, “renda fixa”, “fundos imobiliários”, “finanças pessoais”, “tecnologia”, e as pessoas entram nos canais que tem interesse.

        Dentro do canal você pode conversar, tirar dúvidas ou compartilhar links de material interessante, por exemplo.

        Além do Slack dá empresa que trabalho, também estou em dois Slack’s sobre linguagens de programação que quero aprender, pra ver o que o pessoal tem estudado e perguntar umas coisas.

        Dá uma conferida aqui:
        https://www.youtube.com/watch?v=9RJZMSsH7-g

        Acho que pode ser um experimento interessante, dá pra usar o Plano Free, sem limite de participantes (até aonde eu sei):
        https://slack.com/pricing

        Abraço

      • Ábaco Líquido Post author

        Entendi Buccolo,
        Bom saber desta ferramenta, vou fazer um estudo.
        Obrigado!

      • Ábaco Líquido Post author

        Você é programador?

      • Ábaco Líquido Post author

        Que bacana Buccolo! Vou divulgar isto.
        Depois vou te mandar umemail.
        Abraço!

  2. viverdedividendos Reply

    Grande post UO/ábaco/Alexandre

    Concordo contigo em alguns pontos e outros tenho que discordar.

    Por exemplo

    Quando se diz pra liberar os comentários, o Brasil é a terra dos hates e liberar isso é pedir pra arrumar confusão. Em muitos casos isso mais atrapalha do que ajuda. Muita gente acompanha os comentários e manter o controle e uma boa qualidade dos comentários também é muito bom.

    Acho que vc faltou falar do tamanho dos Posts assim como os vídeos por regra não devem ser grandes os Posts escritos também devem ser concisos, evitar textões. Eu particularmente ignoro tudo isso, mas o que acha ?

    Sobre os vídeos também penso dessa forma que esse é o caminho, principalmente se quisermos manter a blogosfera oxigenada com a garotada. Senão adaptarmos nossos formatos a esse novo modelo vamos minguar com o tempo ou vamos virar sites de nicho intricheirados.

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Fala Viver!

      Sobre esta posição “liberar isso é pedir pra arrumar confusão”, eu falo com conhecimento de causa. Eu não modero comentários, se você faz um trabalho sincero não despertará inimigos, a não ser que vc pise no calo de alguém. Mas é questão de posicionamento, eu acho que a internet é uma terra livre, as pessoas não podem ser caladas, podem ser advertidas, mas não caladas. Nunca tive problema com haters nos 4 anos de existência do blog antigo nem neste site novo. Aliás, acho que comentários negativos são até bem vindos ois não é só de elogios que vive um site. De qualquer forma, entendo que algumas pessoas podemo pular a linha do bom senso, e partir para a agressão. Mas na vida, sempre tive a postura de mostrar a face direita quando receber um tapa na face esquerda. Na maior parte das vezes o ódio está no lado do agressor. O hater é aquela pessoa que segura uma brasa na mão achando que vai queimar a outra pessoas. Nestes casos, acho até bom tentar mostrar para o hater que a brasa está queimando a mão dele e não a nós. Vc estará até fazendo uma boa ação a ele. Mas como lhe disse, cada um é cada um. Não é todo mundo que tem sangue de barata para aguentar desaforo, rs.

      Sim, falarei mais destes temas em posts futuros. De fato, cada idem deste post terá um artigo dedicado onde irei explorar todos os detalhes envolvidos. Não quis falar muito agora para não cansar o leitor, dei só umas pinceladas.

      Vou começar publicar vídeos no site, na verdade já comecei, mas serão vídeos de outras pessoas, rs. Fique a vontade para fazer um vídeo exclusivo para o Abacus.

      Abraço!

  3. A Dona da Grana Reply

    Ábaco, como sempre com posts enriquecedores. Como inciante na “finansfera” seu post contribuiu e muito para melhorar as visualizações do blog. Muito obrigada, uma grande abraço é continue com o ótimo trabalho.

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Oi Dona!
      Qualquer dúvida pode perguntar.
      Bem vinda e abraço!

  4. Investidor Educador Reply

    Ábaco, primeiramente, meus parabéns pela qualidade do texto e das dicas, tentarei utilizar elas já que meu blog nem indexado foi ainda (não entendo dessas coisas), minha expectativa nem é receber visitas, mas sim compartilhar conhecimento, então quanto mais pessoas visitarem, mais troca de informações haverá.

    Parabéns novamente, abraços.

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Obrigado Educador,
      Conhecimento nunca é demais, seja bem vindo!
      Abraço!

  5. Cleiton Oliveira Reply

    Mais um artigo excelente Uo. Já utilizo muitas técnicas deste artigo e vou colocar outras em prática. Parabéns

    Um grande abraço

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Valeu Cleiton, se souber de novas técnicas me fala.
      Abraço!

  6. BLOG VIVER DE CONSTRUÇÃO Reply

    Fala Uó,

    Seu texto ficou muito bom. Li umas 3 vezes antes de comentar. Uma aula mesmo, parabéns.

    Eu não tinha grandes pretensões com meu blog, mas eu fico feliz ao ver que sempre estou bem posicionado. Mesmo sem ter tudo isto citado, eu estou atingindo picos de 2 mil acessos, acho que o recorde foi 2900 num dia.

    Vou tentar usar algumas de suas dicas, mas criar Facebook, Google+, Linkedin … E registro, por enquanto não.

    Abraço e parabens mais uma vez

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Obrigado Viver!

      Espero que este “textão” seja útil para você também. Eu mesmo tenho que recorrer a esta cola para manter os posts alinhados, rs.
      Seu blog é legal, continue com o trabalho, só cuidado para não cansar. Quem posta muito acaba se cansando, depois pense nisto.

      Abraço!

      • BLOG VIVER DE CONSTRUÇÃO

        Eu estou cansado mesmo Uó.

        Por estar de férias, estou sem muito assunto importante. De finanças, como não giro patrimônio, não tenho o que falar. Da minha vida, muito menos, ainda mais agora que preciso omitir e evitar divulgar dados reais. Do trabalho, tambem, de férias nada acontece.

        Tinha tempo que eu não ficava sem nenhuma ideia de postagem kkk.

        Abraço

      • Ábaco Líquido Post author

        Rapaz, procure descansar. Eu posso de confessar que tenho mais de 200 temas para pauta, vai faltar é tempo para blogar, rs.
        Abraço!

  7. O Aportador Reply

    Que grande aula Uó,

    Eu tenho só dois meses de blog e tenho muito a aprender com todos. Comecei a acompanhar a blogosfera a um ano atrás e me encorajei a montar um diário (blog) pra falar sobre planos e investimentos.

    Tenho objetivo de manter um post por semana. Já tenho alguns post prontos mas prefiro manter a regularidade semanal.

    Da mesma forma que a blogosfera influenciou o meu ponto de vista sobre finanças, gostaria de encorajar, ajudar e colaborar com uma maior quantidade de pessoas.

    Parabéns pela postagem. Grande Abraço

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Boa noite Aportador!

      Sua contribuição será de grande valia. Mantenha a regularidade e o pique. Vida longa ao seu blog!

      Grande abraço!

  8. NooB Investidor Reply

    Essa série de posts vai ser sensacional!!

    Parabéns Uó pela gana em escrever e iniciar a revolução da Finansfera 2.0!

    Excelente dicas!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Vou me esforçar para trazer mais novidades.
      Valeu Nub!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Fala Rodox!
      Muitas dicas boas aí, dá um trabalhinho mas ajuda.
      Abraço!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Valeu Aroldo!
      Qualquer dúvida pode perguntar.
      Abraço!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Opa!
      Não há de quê.
      Abraço!

  9. Risco é Tempero Reply

    Boas lições, Uó. Preciso me atentar a várias delas.
    Mas tenho uma queda por saladas de assuntos em um único post rs
    Abs!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Boas!
      Acho que vc pode até falar de varios assuntos, basta fazer um encadeamento bacana. Não a regras.
      Abraço!

  10. Meu 1° Milhão Reply

    Mto bom Uó!

    Vou tentar seguir isso ai…

  11. IC Reply

    Boa Uó,

    Meus pontos fraquíssimos são, com certeza, o #8 e o #13: Não tenho paciência para mídias sociais assim como o André Rezende citou antes de mim, e tenho muita dificuldade de manter uma periodicidade estável na criação dos posts.

    Ainda tenho poucos acessos diários, menos de 50, mas também faço questão de responder todos os comentários que recebo. Talvez porque não faça nenhum tipo de marketing pro blog.

    Um abraço!!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      IC
      Td blz?
      Como falei para o André abaixo, se posicionar nas mídias sociais não quer dizer ficar lá tagarelando, rs. Uma simples estratégia de colocar o link do post lá já traz bons resultados. Lógico que não é a mais eficiente, mas já ajuda.
      Grande abraço!

  12. Pardal Investidor Reply

    Post implacável, completíssimo. Esse espaço aqui (Abacus Liquid) bate de frente com qualquer “portal da grande mídia”. Uó faz um trabalho digno de congratulações, profalças meu caro. Quero ver isso crescer ainda mais…potencial não falta.

    Agora sinto falta de conteúdo audiovisual, ao meu ver seria o próximo passo. Fica o “pitaco”.

    Falow.
    Pardal

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Fala Pardal!
      Muito obrigado pela consideração!
      Realmente conteúdo audiovisual tá faltando, mas não sei se me enveredarei neste setor um dia. Acho que neste mundo já tem youtuber demais, rs. Mas quem sabe…
      Abraço!

  13. André Rezende Azevedo Reply

    Muito bom Uó! Algumas coisas que vc citou eu faço, outras não… No fundo, é tudo uma questão de quanto tempo você deseja dedicar-se mesmo. Na medida que seu blog for sendo mais visitado e comentado, você fica mais e mais preso ao negócio. Eu resisti muito à redes sociais. Não tenho muita paciência com isso e sou péssimo em fazer marketing próprio.

    Mas sabe em que fiquei feliz? Não imaginava que meu blog tinha uma participação razoável em redirecionamentos para o seu. Eu estou publicando ainda em média uma postagem por mês. Acho que há uma certa relevância rsrs.

    Abraço!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Opa André!
      O grande diferencial do seu blog são os textos de qualidade. Uma falha é a frequência. Eu mesmo tinha excluído vc da minha lista pois o blog tinha ficado sem post por mt tempo. rs
      Sim, a dedicação é a chave do negócio, não há segredos, a informação está em todo canto.
      As redes sociais são boas para divulgação, eu só uso para divulgar o site, antigamente até ficava um tempo no twitter, no facebook, mas hj em dia abro, coloco o link do post, e logo saio. Então, o trabalho que tenho é mínimo.
      Grande abraço!

      • André Rezende Azevedo

        OOOO Uó, me inclui de novo, vai rsrs?

        Estou preparando um post para amanhã. Mais tardar segunda-feira. Acho que vai ser útil para seus leitores. Será sobre minha experiência com o Banco Intermedium e alguns comentários sob gestão de riscos.

        Abração!

      • Ábaco Líquido Post author

        Não… tinha e excluído no início do ano, rs, vc já está mais que incluído nas minhas leituras obrigatórias.
        Muito bom, quero saber desta sua experiência, hoje mesmo estava lendo uma entrevistas com o fundador do banco, que também fundou a MRV (maior construtora do Brasil) e mais três outras empresas. É um cara de muita visão, daqui de BH.
        Abraço!

  14. Doutor Honorarios Reply

    Acho que o meu blog sempre vai ser medíocre em termos de popularidade, não tenho nem 500 visitas por dia, em média, apesar de que me esforço para fazer bons textos, não tanto quanto você, e de que já estou no quinto ano do blog.

    Somente alcancei a marca de mais de 10 mil acessos por mês em novembro passado, a média sempre foi de 6 a 8 mil acessos por mês, desde meados de 2013. Fiquei até surpreso pela menção nos acessos do seu site.

    Mas, uma coisa é certa, as visitas que recebo são de imensa qualidade, me orgulho muito disso. Jamais gostaria de receber, por exemplo, milhares de leitores adolescentes, como o Pobretão (que era uma referência na blogosfera) tinha em seu blog. Salvo engano, ele mesmo dizia odiá-los, e, talvez, ironicamente, isso tenha causado também o fim dele.

    Abraço!

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Dr.
      Seu blog é como aqueles fundos que só aceitam investidor qualificado, rs.
      Sim, o Probetão acabou ficando cultuado porque escrevia coisas que faziam o leitor se identificar com ele. Infelizmente ele não soube lidar com a situação, poderia ter trabalhado para o bem.
      Quem trabalha para o bem sempre sobrevive, quem trabalha no “lado negro da força” uma hora sucumbe.
      Grande Abraço e muito obrigado pelas visitas!

      • Doutor Honorarios

        By the way, você está de parabéns! O seu site está cada vez melhor!

      • Ábaco Líquido Post author

        thanks doc!
        see you soon…

  15. Frugal Simple Reply

    belo post Uó! Você se esmera mesmo no que faz, parabéns! Algum dia quando eu tiver mais livre na vida posso pensar em melhorar nisso, a coisa era mais pra ser um diário e um pouco de miniaulas sobre finanças e mercados, com o passar do tempo vai se expandindo. Amanhã completo 1 ano de blog e vou fazer um post sobre isso!

    Eu desejo tudo de melhor para o seu portal e para você.
    E sim, se tem algum lugar que poderia ser o portal dos blogs poderia ser aqui, todo mundo viria pra cá, daqui leria os outros blogs e dos que gostasse ficaria visitando e participando. Acho que falta um agregador de verdade na blogosfera, seria muito bom que alguém tivesse tempo, dedicação e disposição para fazer isso.

    P.S.: Vc sabe o que é aquele “android-app” ali nas suas estatísticas?

    O WordPress está com a extensão “.blog” agora, só que é paga. Eu achei legal mas não queria gastar dinheiro nisso, exceto se o próprio blog “se pagasse” o que você acha? Tenho quase 1000 visitas por dia, eu gostaria de mudar para o .blog pq acho que ficaria bacana, mas daí a tirar dinheiro do bolso para um hobby não sei. Será que dá pra colocar google adsense nesse “.blog” pelo menos pra ele se pagar?

    Grande abraço.

    • Ábaco Líquido Post authorReply

      Olá Frugal!

      A estratégia #1 vc já faz com maestria, talvez trabalhar nas 5 primeiras estratégias já lhe traria um resultado incrível, e não dá tanto trabalho assim.

      Muito obrigado pelos desejos, eu procuro colocar neste site tudo que é util para a minha vida como investidos, consumidor, blogueiro e tb vida pessoal. É portando o meu site pessoal, e que contém informações que tb são úteis para outras pessoas.

      Acho que android-app é aquele buscador que tem nos androids.

      Te sugiro não contratar esta extensão, sugiro registrar um domínio e hospedar como site. Pagará menos de 10 reais por mês, coisa que conseguirá compensar através de Adsense.

      Qd criei este site tinha o objetivo de receber com a publicidade do Adsense o suficiente para pagar os custos do site. Mas os resultados foram tão bons que estava recebendo 3 dólares em média por dia. Porém tive uma situation na minha conta do Gmail. que afetou todos os produtos Google que tinha inscrito. O resultado foi que perdi o Adsense. Agora estou tentando encontrar outro meio de rentabilizar o site. Mas há saídas…

      Abraço!

Comente...