O aplicativo da Carteira Nacional de Habilitação eletrônica (CNH-e), também conhecido como CNH digital, já está disponível para smartphones Android e iOS. Apesar de inovadora, a CNH-e não substituirá a versão impressa do documento e ambas poderão ser utilizadas com o mesmo valor documental. A CNH digital começará a valer em todo o território nacional a partir do dia 1º de fevereiro de 2017. Até lá, todos os Detrans terão que disponibilizar a versão online do documento. A CNH-e poderá ser apresentada às autoridades de trânsito através do próprio celular ou tablet. 

Mesmo não substituindo a CNH impressa, a nova carteira de motorista digital poderá ser apresentada com o mesmo valor perante as autoridades, inclusive em situações em que a pessoa se esquece da carteira de motorista física na sua residência. Desta forma, ao apresentar o documento via celular, o motorista não estará mais sujeito à multa.

Para acessar a CNH no celular, o usuário poderá acessar a versão digital por meio de uma senha pessoal. A certificação será válida tanto por certificado digital quanto por QRCode, onde os códigos de barra poderão ser escaneados instantaneamente. Assim, os agentes de trânsito poderão acessar o histórico do motorista por meio de um aplicativo.

Para solicitar a carteira de motorista digital, você precisará fazer um cadastro no Portal de Serviço do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), confirmando seu e-mail com a utilização de um certificado digital. O cadastro deve ser feito através de um equipamento que permita esse tipo de certificação ou em um posto do Detran.

cnh eletronica

O aplicativo final chegará às lojas em 30 de setembro, quando o estado de Goiás começará a cadastrar os usuários em um projeto-piloto. A carteira digital será implantada nos demais estados de forma gradual até fevereiro de 2018.

Solicitação e Uso da CNH Eletrônica

Para solicitar a CNH-e, o motorista já deve ter uma habilitação impressa com QR Code e se cadastrar no portal de serviços do Denatran. Caso o condutor já tiver cadastro no Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), solução que possibilita o pagamento de multas de trânsito com 40% de desconto, não será necessário novo cadastro. A solicitação deve ser feita pelo portal com a mesma senha de cadastro do SNE.

Além disso, os motoristas devem informar ou atualizar seus e-mails e telefones nos departamentos de trânsito estaduais (Detrans). Caso a pessoa possua certificado digital, pode fazer as atualizações de e-mail e telefone diretamente no portal do Denatran, sem a necessidade de se dirigir aos Detrans.

O cadastro será ativado com o envio de um link para o e-mail informado, solicitando que o usuário realize login no aplicativo pelo aparelho que deseja ter a CNH digital. O motorista deverá criar um Número de Identificação Pessoal (PIN), com quatro dígitos, que deverá ser memorizado para acesso posterior ao documento digital.

Quando começa a valer a CNH Digital?

Até 1º de fevereiro de 2018 todos os Detrans devem estar aptos a emitir a versão digital.

O que é preciso para tirar CNH Digital?

A CNH digital deverá ser obtida por meio de um aplicativo, que estará nas lojas oficiais da Apple e do Google (para aparelhos Android) a partir de fevereiro próximo. Após baixar o aplicativo, o motorista terá que optar entre usar um certificado digital (pago), para fazer todo o processo pela internet, ou ir até um posto do Detran para se cadastrar. A CNH-e só poderá ser emitida para quem tem a nova CNH, com QR Code, um código específico para ser lido por aparelhos eletrônicos que existe nas carteiras de habilitação emitidas desde maio último.

Quanto custará a CNH Digital? Quem tem a CNH impressa terá de pagar para ter a digital?

O Denatran diz que a cobrança de possíveis taxas para emissão da CNH digital ficará a cargo dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans). São eles que determinam atualmente os valores das taxas da CNH impressa, que variam de estado para estado.

É preciso ter certificado digital para tirar a CNH Digital?

Não é obrigatório. O certificado digital, que é uma assinatura eletrônica com a mesma validade da assinatura física, e possibilita realizar operações pela internet, vai permitir que todo o processo de obtenção da CNH digital seja feito onde o motorista estiver. Caso contrário, ele terá de ir até o Detran.

A CNH Digital é segura? E se roubarem o celular?

O Ministério das Cidades afirma que há um conjunto de padrões técnicos para suportar um sistema criptográfico que assegura a validade do documento. A autenticidade da CNH digital poderá ser comprovada pela assinatura com certificado digital do emissor (Detrans) ou com a leitura de um QRCode, mas isso não quer dizer que será preciso ter sinal de internet para acessar o documento. Mas sempre será necessária uma senha de 4 dígitos para abrir CNH digital, diz o Serpro. Caso o smartphone com a CNH digital seja roubado, o usuário deverá bloquear o documento. Se tiver o certificado digital, ele poderá entrar no Portal de Serviços do Denatran e solicitar o bloqueio remoto. Caso contrário, terá que ir até algum posto do Detran.

E se não tiver sinal de internet ou wi-fi onde o guarda pedir minha CNH?

Não há problema. Será necessária conexão com a internet somente no primeiro acesso, depois, a CNH estará disponível off-line.

carteira de motorista digital

Saiba Como Fazer sua CNH Digital

Para fazer a CNH Digital é preciso ter a versão da CNH impressa emitida a partir de maio de 2017, que tem um QR Code na parte interna. Quem não tem essa versão pode optar por esperar até o momento da renovação do documento ou fazer uma segunda via mediante pagamento de taxa. Quem optar por circular apenas com a versão eletrônica precisa ficar atento à bateria do seu smartphone. Caso pare em uma blitz, se o aparelho estiver descarregado, será considerado que a CNH não está com o motorista. Neste caso, o condutor será autuado com base no artigo 232 (conduzir veículo sem os documentos de porte obrigatório), uma infração leve que prevê multa de R$ 88,38, três pontos na CNH e retenção do veículo até a apresentação do documento.

Passo-a-Passo Para Fazer a CNH Digital

1 – Primeiramente baixo o aplicativo na loja virtual do sistema operacional do seu celular. Para Android acesse esta página. Para iOS acesse esta página.

app cnh digital

2 – Faça seu cadastro no Portal de do Denatran nesta página.

cadastro cnh digital

3 – Vá ao Detran de emissão da sua CNH original para garantir presencialmente seus dados cadastrais. Você precisará apresentar uma cópia da sua CNH e, também, assinar uma solicitação de cadastro, que pode ser escrita a mão. Caso você tem um certificado digital, pode acessar o Portal de Serviços do Denatran e cadastrar seus dados. Com o acesso ao Portal do Denatran e com os dados confirmados pelo Detran, solicite o código de ativação para a CNH Digital, que será envidado por e-mail ou abrirá na própria página do Detran.

4 – Abra no aplicativo, entre com o CPF e a senha de acesso do portal e digite o código de ativação.

cnh digital senha

5 – No aplicativo crie uma senha mais simples, de quatro números, que você digitará toda vez que for acessar a carteira.

cnh digital pim

4 comentários em “CNH Digital

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Vagner, espero que tenham colocado no aplicativo uma opção de recuperação, depois vou checar isto.

  1. ESDRAS GADELHA Responder

    E se o condutor estiver com o celular descarregado ou sem ele. Quais serão os procedimentos do Guarda de trasito.?

    • Ábaco Líquido Autor do postResponder

      Esfras, neste caso sãos as mesmas penas que se aplicam ao condutor que é pego sem a carteira de motorista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.